Notícias

Beto Richa diz que reforma seguiu critérios técnicos

O governador Beto Richa (PSDB) negou que as mudanças em sua equipe, anunciadas na véspera, tenham cunho político-eleitoral, e afirmou que a reforma do secretariado seguiu critérios técnicos. Mas admitiu que a nomeação do deputado federal Ratinho Júnior (PSC), que disputou o segundo turno da eleição para a prefeitura de Curitiba para a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano reforça politicamente seu governo. E que continuará mantendo, nos próximos dias, conversas com o PMDB, para ampliar o espaço do partido – que tem a maior bancada na Assembleia Legislativa – na administração estadual.
Nos bastidores, a avaliação é de que a reforma faz parte de uma estratégia de Richa para recompor e reforçar sua base política com vistas à reeleição em 2014. Para isso, o tucano estaria atraindo PMDB, PSD e PSC para seu palanque, isolando assim o PT da ministra chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, potencial candidata de oposição ao governo no ano que vem.